Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://dspace.uniube.br:8080/jspui/handle/123456789/677
Título: ANÁLISE DA VARIAÇÃO DO PESO CORPORAL E DOSAGEM DO COLESTEROL TOTAL, GLICOSE E TRIGLICÉRIDES, APÓS ADMINISTRAÇÃO DE OLANZAPINA ASSOCIADA A EXERCÍCIO FÍSICO EM RATOS WISTAR
Autor(es): DONIZETE GALENI, OLDAIR
Alves, José Bento
Palavras-chave: Glicose
Natação
Neuroléptico
Padrões bioquímicos
Síndrome metabólica.
Data do documento: 23-dez-2012
Resumo: A obesidade nos pacientes com esquizofrenia pode levar à perda da autoestima, ao isolamento social e à estigmatização; além de estar fortemente associada à diabetes mellitus, hipertensão arterial, dislipidemia e consequente doença cardiovascular. O impacto econômico da obesidade também é considerável. Estimativas de países desenvolvidos apontam os custos com obesidade como um dos mais altos, em torno de 6% ou mais das despesas totais com saúde. A Olanzapina está relacionada a alguns efeitos colaterais indesejáveis como os distúrbios de utilização da glicose (metabólicos), do metabolismo de lipídios e ganho de peso. Nesse cenário, intervenções não farmacológicas têm sido pleiteadas, e o exercício físico é apontado, há pelo menos uma década, como importante para a perda e/ou o controle de peso e seus fatores associados, em curto prazo. O objetivo desse trabalho foi avaliar a influência do exercício físico no controle do ganho de peso, glicemia e valores plasmáticos de colesterol total e triglicérides em ratos Wistar, tratados com Olanzapina. Foram coletados dados referentes ao peso corporal e às concentrações plasmáticas da glicose, colesterol total e triglicérides, a partir do sangue de animais, divididos em 4 grupos: SC – sedentários controle (n=08); TC – treinados controle (n=08); SO – sedentários Olanzapina (n=08) e TO - treinados Olanzapina (n=08). Os animais treinados foram submetidos à natação como exercício físico durante 8 semanas, 5 vezes por semana. Os resultados demonstraram que o uso do medicamento aumenta o peso corporal em aproximadamente 21%, porém não proporciona alterações significativas nas concentrações de glicemia, colesterol total e triglicerídes, quando administrado durante 8 semanas. O presente estudo, pelo que foi exposto e evidenciado através dos resultados obtidos, demonstrou também que o exercício físico aeróbico em ratos Wistar é capaz de reduzir o ganho de peso causado pelo uso do medicamento.
URI: http://dspace.uniube.br:8080/jspui/handle/123456789/677
Aparece nas coleções:2013

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Oldair.pdf3,78 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.